Outras Notícias

Mário Ruivo

  • O Conselho Português para a Paz e Cooperação (CPPC), ao tomar conhecimento do falecimento de Mário Ruivo, prestigiado professor e investigador, ativista da democracia e da paz, membro da Presidência do CPPC, lamenta a perda do cidadão exemplar e expressa o seu pesar.

    Ao longo de toda a sua vida, e desde ainda durante o fascismo, Mário Ruivo foi um combatente pela liberdade e pela democracia, tendo desempenhado funções nos governos provisórios durante a Revolução de Abril. Como professor e investigador ganhou grande projeção no domínio das ciências do mar, mantendo o empenhamento nas causas sociais e na promoção das causas da paz em particular, tendo participado em numerosas iniciativas de solidariedade com os povos vítimas da guerra e da opressão, com destaque para a causa da Palestina.

    Neste momento difícil, a direção do CPPC expressa à família de Mário Ruivo as suas mais sentidas condolências e regista o reconhecimento pelo seu exemplo de destacado militante da democracia e de ativista da paz.

    A Direcção Nacional do CPPC